Frutitec

Login
Atualizado a 21 Mar, 2019

Quinta da Malaca e Herdade dos Lagos integram portefólio da PMC Wine & Food

Herdade dos Lagos
 
A PMC Wine & Food, que detém as marcas Malandra e Jaburu, vão comercializar vinhos de dois novos produtores, um da região do Algarve e outro da região do Alentejo, respetivamente a Quinta da Malaca e a Herdade dos Lagos.
 
Com 9 anos de história, a Quinta da Malaca iniciou a sua atividade na produção de vinhos a partir de vinhas velhas do Algarve. No primeiro ano produziu cerca de 15.000 litros e em 2018 a produção é de aprox. 47.000 litros, dedicada ao mercado de consumo.
 
Algumas das castas que são trabalhadas pela marca são as autóctones algarvias, como é o caso da Negra Molee Crato Branco, usadas no vinho Malaca Rosé, que lhe valeram já algumas distinções em concursos nacionais e regionais. 
 
Outros vinhos do portefólio são o Malaca Tinto Castelão, um vinho meio seco, apresentando a tipicidade da região; o Malaca Sauvignon Blanc, o primeiro do Algarve, e na colheita 2014 que foi o seu ano de lançamento premiado com medalha de prata no Concurso Mundial de Sauvignon em 2015; o Malaca Reserva Sauvignon Blanc é o vinho mais exclusivo com uma produção de apenas 500 garrafas.  Faz a fermentação e estágio durante 6 meses sempre em duas barricas novas de carvalho francês  Torna-se um vinho muito especial devido a todo o cuidado que existe com a vinificação.
 
Parte do portefólio são ainda: o vinho Malaca Reserva tinto Aragonez, um vinho com grande complexidade aromática onde 80% do lote esteve em estágio em barricas de carvalho francês durante 9 meses. O vinho Vale de Parra tinto, é o primeiro blend da Quinta da Malaca e a mais recente novidade. Demonstra o potencial dos solos e clima do Algarve para a produção de vinho e neste caso evidencia a vinificação moderna das castas antigas das vinhas velhas. Este primeiro lote é composto por Negra Mole, Castelão e Aragonez. Tem 4 meses de estágio em barricas de carvalho francês.
 
Quinta da Malaca
 
A Herdade dos Lagos é uma quinta de produção biológica, que se estende por 1000 hectares de terra, gerida por uma equipa conjunta Alemã e Portuguesa, onde a criatividade e inspiração são factor diferenciador. Parte da "Rota do Vinho do Alentejo", que convida numa rota em diferentes adegas através do Alentejo e tem produção 100% biológica, que não recorre a uso de herbicidas e usa produtos para proteção das plantas aprovados para a produção biológica.
 
A Herdade dos Lagos aproveita as condições da região alentejana, com os seus grandes terrenos virgens, procurando sempre preservar os recursos naturais, aproveitando no Verão e períodos de maior seca onde a temperatura alcança os 40º, as águas pluviais e a própria energia solar que gere para uso próprio e para rede pública.
 
Com seis variedades de vinhos, resultantes das castas Syrah, Aragonez, Touriga Nacional e Alicante Bouschet, que crescem em cerca de 25 hectares da Herdade dos Lagos.

A diferenciação que resulta na produção de diferentes qualidades de vinho começa na própria vinha. A melhor zona está destinada aos vinhos de Reserva e é também nesta que se verifica uma poda mais intensa.

A zona com mais sombra está destinada ao Rosé e ao Blanc de Noir. Dado que a sua colheita é a mais precoce e a que implica menos poda, consegue-se obter um teor de álcool mais baixo e uma boa acidez. As uvas são colhidas à mão nas primeiras horas da manhã e transportadas em frio para a adega.