Login
Atualizado a 20 Aug, 2019

Está aberta a época da Lampreia do Minho!

Lampreia do Minho
 
Já chegou a época da Lampreia do Rio Minho, que se podem apreciar nos restaurantes da região até 15 de abril.
 
A ADRIMINHO e os seis municípios do Vale do Minho - Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira – promovem a iniciativa que visa dar destaque à iguaria da região.

Em Melgaço, são 12 os restaurantes aderentes: Adega do Sossego, Adega Regional do Sabino, Hotel Boavista, Casa Real, Chafarix, Foral de Melgaço, Mini Zip, O Adérito, O Brandeiro, Paris, Tasquinha da Portela e o Verde Minho.

Uns inovam, outros mantêm a tradição: ensopada no molho do seu próprio sangue, a maneira mais habitual de a preparar, com arroz ou estufada; marinada em vinho verde tinto; ensopada e servida com pão frito; de cabidela; ou à bordalesa, e até em folhados.
 
Os seis municípios aliam propostas culturais, entusiasmando à descoberta da riqueza patrimonial e paisagística da região. Em Melgaço há um programa de animação com atividades de turismo natureza e aventura, não fosse este ser o Destino de Natureza Mais Radical de Portugal, como rafting, caminhadas, rapel, salto pendular, arvorismo, slide, escalada, passeios pedestres.

São também sugestões visitas aos espaços museológicos da rede Melgaço Museus, visitas e provas nas adegas aderentes da Rota do Vinho Alvarinho e também visitas a produtores de artesanato, de fumeiro, de queijo e de outros produtos locais.
 
A 29 de março, pelas 22h00 e em local a definir, o Chef Vitor Matos, estrela Michelin, estará em Melgaço a preparar um jantar vínico de harmonização da Lampreia do Rio Minho com Alvarinho.
 
O programa contempla também uma caminhada “Pela rota das Pesqueiras”, uma parceria entre o Município de Melgaço e Arbo. Durante a atividade, que acontece no dia 31 de março, os participantes poderão conversar com os pescadores, “participar” na pesca da lampreia, aprender a fazer as redes de pesca, a escalar e a preparar as lampreias. No final, haverá degustação de alguns pratos confecionados com esta iguaria.
 
Para os apaixonados e curiosos pela lampreia há ainda uma interessante exposição de fotografia: “O Rio Minho é vida”, de 19 março a 13 abril, na Casa da Cultura.
 
A autarquia convida à participação em eventos que decorrem nessa altura, como é o caso de concertos musicais que integram a iniciativa All Music Fest; do Fim de Semana Gastronómico (22, 23 e 24 de março); da oficina “A Arte Secular da Pesca da Lampreia” (data a definir) – uma ação de sensibilização infantil para a importância económica e cultural desta arte, mostrando as diferentes fases do processo e a forma como se trabalham as redes utilizadas nas pesqueiras do Rio Minho; do “REDITUS” - Jornadas de Património Cultural (concerto, exposição, teatro e palestra, no dia 12 abril, no Espaço Memória Fronteira, na Casa da Cultura e pelas ruas da Vila)
.