Login

Conheça o programa das Vindimas dos Vinhos do Tejo

Vindima de Brancos
 
A Comissão Vitivinícola Regional do Tejo reuniu informação junto dos produtores, a fim de promover uma iniciativa da região: ‘Vinhos do Tejo - Programas de Vindimas 2018’.
 
A Adega do Cartaxo dispõe de dois programas de vindimas para 2018, que são válidos de segunda a sexta-feira, para grupos de 4 a 12 pessoas. A marcação é obrigatória e deve ser feita 48 horas antes e o cancelamento poderá ocorrer em caso de intempérie ou vindima antecipada.  O programa conta com visitas à adega, zona de vinificação, às linhas de enchimento, ao laboratório, à sala de barricas, à cave e ao armazém de produto acabado, prova de vinhos comentada e a possibilidade de almoço no restaurante Taberna do Gaio. Os valores variam entre 5 e 30€ por pessoa.
 
Na Quinta do Casal Branco, uma das centenárias propriedades agrícolas de cariz familiar em Almeirim, o programa de vindimas realiza-se a 24 de Agosto e baseia-se na casta Fernão Pires. Dela se diz ser das mais antigas de Portugal e a baga branca mais cultivada no Tejo. O programa ‘Fernão Pires do Casal Branco - Vindimas 2018’ destina-se a um mínimo de 30 pessoas (e um máximo de 50). A reserva, que pode ser feita por participantes individuais, grupos ou empresas, deve ser feita até 20 de Agosto. A inscrição é válida após o pagamento de 50% do valor do programa, até cinco dias antes do evento. A realização da vindima depende das condições meteorológicas, razão pela qual o seu cancelamento será feito sem prejuízo dos adquirentes. Há um aperitivo matinal, partida para as vinhas de tractor e participação nas vindimas, prova vínica comentada e almoço. Os valores estão estipulados em €65,00 (adultos) ou €40,00 (crianças dos 6 aos 14 anos), com oferta de boné e disponibilização de tesoura e cesta de vindima.
 
Casal das Freiras
 
A empresa vitivinícola familiar Casal das Freiras, localizada em Madalena, a poucos quilómetros da cidade de Tomar, convida a um passeio por algumas das parcelas das suas vinhas, acompanhado da explicação do processo da vindima, e seguido da visita à adega e às instalações. A pisa a pé de uvas em lagar é o desafio lançado aos participantes. Há prova comentada de três vinhos, na companhia de pão, azeitonas, queijos, fumeiro regional e compotas. O programa decorre em Setembro e/ou Outubro, dependendo da data de vindima, e está destinado para 12 pessoas, no máximo, e tem a duração de 02h30, entre as 11h00 e as 18h00. O valor é de €22,00 (adultos) ou €5,00 (crianças).
 
A paisagem natural da Companhia das Lezírias é o cenário das vindimas desta adega, localizada em terras ribatejanas de Samora Correia. De acordo com o programa estipulado por esta empresa vitivinícola e agrícola, há duas propostas. A iniciativa ‘Companhia das Lezírias Vindimas Piquenique 2018’ está marcada para 08 de Setembro, entre as 09h30 e as 16h00, dia em que a Companhia das Lezírias inaugura a sua nova cave de barricas. O convite é para integrar a equipa das vindimas por um dia e “pôr a mão na massa”, que é como quem diz, no cacho, participar na pisa a pé e fazer a degustação do mosto de uva ao vinho, acompanhada por um piquenique buffet. A inscrição é obrigatória e deve ser feita até dia 31 de Agosto, com a indicação dos nomes dos participantes (primeiro e último) e respectivas idades.

A proposta B inclui a pisa a pé, prova de degustação do mosto de uva e de vinho, comentada pelo enólogo ou especialista na área, e almoço piquenique de especialidade regional. Este programa decorre de segunda-feira a sábado, da parte da manhã ou da tarde para grupos entre 10 e 60 pessoas. A primeira opção tem o valor de €35,00 (adultos); €10,00 (crianças dos 6 aos 12 anos) e é gratuito para crianças até aos 5 anos. Na proposta B o valor é de €40,00 (adultos); €10,00 (crianças dos 6 aos 12 anos) e  gratuito  para crianças até aos 5 anos.
 
Situada em Almeirim, a Falua - Sociedade de Vinhos foi fundada em 2004 pelo produtor e enólogo João Portugal Ramos. Há cerca de um ano, pertence ao grupo francês Roullier. Possui uma adega e linha de enchimento, construída com os equipamentos modernos, que permitem à Falua produzir 6 milhões de garrafas de vinho branco, rosé e tinto. Durante a época das vindimas, abre as suas portas para visita e prova de vinhos, numa atividade que se destina apenas a adultos, em grupos de 10 pessoas, no mínimo, com o valor de €30,00 por pessoa.
 
Vindima no Casal Branco
 
Pertença da família Mascarenhas Fiuza e situada em Almeirim, a Fiuza dedica-se à produção de vinho há quase um século. A Fiuza abre as portas da sua Adega-Galeria, uma verdadeira montra de arte urbana executada por três grafitters portugueses (Francisco Camilo, Ivo Smile e Slap), para uma visita guiada complementada com uma prova de vinhos ou de mosto a fermentar. O programa, de aproximadamente duas horas, não tem horário definido e decorre nos dias em que haja vindima. Destina-se a duas pessoas, no mínimo, tendo o valor de €20,00 por pessoa.
 
Na Quinta da Alorna poderá reviver a história de Portugal desde 1723, ano em que foi fundada. São muitos os personagens e as histórias que podem ser contadas nesta que é uma propriedade com quase 300 anos de vida. Localizada em Almeirim, na margem esquerda do rio Tejo, oferece programas à medida de quem a quiser visitar. Em tempo de vindimas ou durante todo o ano, os amantes do vinho, da natureza e da cultura ribatejana têm muito por onde explorar. O valor é sob consulta.
 
A Quinta da Lagoalva é outra das históricas casas agrícolas, com tradição vitivinícola. Localizada em Alpiarça, tem tudo pensado para avançar com o programa de vindimas, a decorrer de 03 a 30 de Setembro. Depois da recepção, é feito o passeio pela vinha e a visita técnica à adega, onde os mostos são degustados. Segue-se a visita à cavalariça/picadeiro e à capela e, finalmente, uma prova de três vinhos. Os grupos de participante devem ter, no máximo, 30 pessoas. O horário é flexível e o valor é de €25,00 por pessoa.